Contribuição financeira do programa LIFE da União Europeia
Facebook
EN

Dia da Floresta Autóctone

24 DE NOV - Mata da Machada

O Centro de Educação Ambiental da Mata da Machada e Sapal do Coina assinalou o Dia da Floresta Autóctone, que se celebra hoje, 23 de novembro.

Oitenta alunos do Programa Mexe com a Idade, do Clube Dramático Instrução e Recreio 31 Janeiro - Os Celtas, da Sociedade Cultural e Recreio 1º Agosto Paivense e do Grupo Recreativo, Associação de Ação de Reformados do Barreiro e Desportivo de Palhais estiveram na Mata e fizeram o descasque de acácia e a plantação de sobreiros.
Estiveram também presentes cerca de 11 alunos da PERSONA e do CIC – Centro de Inclusão Comunitário, que fizeram uma limpeza do espaço do parque de merendas.

Por se tratar de um dia que pretende chamar a atenção para as espécies autóctones e para a importância da floresta nativa e sua preservação, esta iniciativa foi desenvolvida no âmbito do projeto LIFE Biodiscoveries. Muitos destes alunos estiveram já presentes na mesma atividade que decorreu nos anos anteriores, e manifestaram o seu contentamento ao verificar a evolução dos resultados das suas intervenções anteriores.

No final houve ainda tempo para uma aula de ginástica ao ar livre.

Em simultâneo, esteve também presente na Mata uma turma do Curso CEF de Jardinagem da EB 2/3 Álvaro Velho, que também fizeram o descasque de acácias e arranque de chorão. Foi possível assim juntar diferentes gerações para um mesmo objetivo.

O Vereador Bruno Vitorino salientou a importância desta data, uma vez que a floresta autóctone urge em ser preservada, pois as florestas nativas são áreas de árvores de origem nacional, pelo que são mais adaptadas às condições de solo e ao nosso clima, mais resistentes a pragas, doenças e a períodos longos de seca e de chuvas intensas. “A nossa Mata tem por isso de ser protegida e, neste sentido, como projeto Biodiscoveries e outras iniciativas, continuaremos o nosso trabalho de cuidar do que é nosso”.

voltar